Tratamentos a laser

Iridectomia a Laser
A iridectomia a laser está indicada em alguns casos de glaucoma de ângulo fechado, tanto como prevenção como por tratamento. Nela, realizamos um pequeno orifício na periferia da íris que tem como objetivo estabelecer uma comunicação direta entre a chamada câmara anterior e a posterior do nosso olho. É um procedimento rápido e indolor, realizado no consultório e com colírio anestésico. Realizamos o procedimento nos dois olhos ao mesmo tempo. Após a aplicação do laser a visão fica ligeiramente turva por cerca de um ou dois dias. As complicações deste procedimento são muito raras.

Trabeculoplastia com Laser de Argônio
Indicamos este procedimento em alguns tipos de glaucoma quando os colírios não estão suficientes para controlar a pressão ocular. Realizamos no consultório com colírio anestésico. Através de uma lente apoiada sobre a córnea, aplicamos o laser no local de drenagem do líquido do olho. É como se o laser abrisse mais o “ralo” do olho para que o líquido em excesso escoe com maior facilidade. Com menos líquido, a pressão nos olhos diminui. É um procedimento rápido, indolor e que pode ser realizado nos dois olhos ao mesmo tempo. Após a aplicação é comum a visão ficar ligeiramente embaçada e a pressão ocular aumentar de forma transitória.



Iridoplastia ou gonioplastia a laser
Esse procedimento é indicado em um tipo específico de Glaucoma de ângulo fechado chamado de Íris em Plateau. O objetivo deste tratamento é abrir o local onde ocorre a drenagem do líquido, evitando crises de glaucoma (aumento súbido da pressão ocular). Realizamos o procedimento a laser no consultório e a anestesia é feita apenas com o uso de colírios. No procedimento, utilizamos uma lente especial e o paciente percebe algumas luzes durante a aplicação do laser. O procedimento é indolor e vamos para casa imediatamente após o tratamento. Após a aplicação é comum a visão ficar ligeiramente embaçada.

Dra. Nadia Moysés

Oftalmologia
Clínica e Cirúrgica

Locais de Atuação